Atenção: Esta loja está em Implantação. Nenhum pedido deverá ser considerado. Itens expostos são apenas testes. Aguarde e volte em breve!

 

Fluidos de freio é responsável por transmitir a pressão que faz acionar as pastilhas lonas de freio contra os tambores e discos de freio do veículo.

O fluido de freio absorve água e, no reservatório, fica em contato direto com o ar (devido ao respiro na tampa) e submetido à umidade. Com o passar do tempo, há um aumento na quantidade de água nesse fluido. Considerando que o sistema de freios trabalha em altas temperaturas, o que um fluido novo suporta com segurança, o uso e acionamento constante do sistema de freios do veículo ao longo do tempo, fará com que o fluido contido dentro do reservatório, absorvendo a umidade do ar altere a sua composição, baixando assim seu ponto de ebulição (fervura).

 

Quando deve ser trocado?

•    Obedecendo a recomendação contida no manual do fabricante do veículo;

•    Preventivamente uma vez ao ano;

•    Preventivamente a cada 10.000 km;

•    Sempre que houver perda de fluido causada por vazamentos nos cilindros de roda, válvulas equalizadoras de pressão, cilindro mestre, flexíveis rachados, etc.

 

Quais são os danos provocados pela falta de regulagem/troca do fluido de freio?

•    Perda de ação do sistema de freio;

•    Oxidação de vários componentes que causa a diminuição da vida útil de peças como cilindro-mestre, roda, freio a disco, válvula reguladora de pressão, válvulas da unidade hidráulica do ABS (se o veículo for equipado com o sistema).